Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur.
Contact us now +1128 5255 8454
support@elated-themes.com
Title Image

Blog

Netflix estreia novo reality show sobre empreendedorismo

Os fãs de programas sobre empreendedorismo ganharam uma nova opção na televisão brasileira. A Netflix lança nesta quarta-feira (9/2) o reality show “Ideias à Venda”, programa apresentado por Eliana que conta com a empresária e escritora Luana Génot como jurada fixa. Cada episódio tem um tema diferente e quatro empreendedores competindo pelo prêmio final de R$ 200 mil.

Produção original da Netflix Brasil, a primeira temporada da série tem seis episódios. Neles, Génot divide a bancada do júri com Luisa Mell, Mariana Rios, Enzo Celulari, Camila CoutinhoLeo Picon e Carole Crema.

No programa, a escolha do vencedor fica nas mãos do público, composto por 100 pessoas na plateia. A cada fase um empreendedor é eliminado após uma nova dinâmica para convencer os espectadores de que sua ideia é a melhor das quatro. “O reality é uma grande vitrine, porque vender o projeto é circunstancial. O produto pode ser incrível, mas a pessoa pode ficar nervosa e não trazer toda a informação para vender para o público. Mesmo assim, quem está em casa assistindo pode se interessar e se tornar comprador, investidor, sócio”, afirma Génot.

 

Apesar de não dar a palavra final sobre o vencedor, Génot decide uma das etapas do programa, indicando os participantes que devem seguir na competição (Foto: Divulgação/Netflix)

Apesar de não dar a palavra final sobre o vencedor, Génot decide uma das etapas do programa, indicando os participantes que devem seguir na competição (Foto: Divulgação/Netflix)
 

Formada em publicidade e mestre em relações étnico-raciais, Génot é fundadora e diretora-executiva do Instituto Identidades do Brasil, organização sem fins lucrativos que busca promover a aceleração da promoção da igualdade racial. Enquanto vivia nos Estados Unidos e trabalhava na Burrell/Publicis de Chicago, ela foi voluntária na campanha presidencial de Barack Obama. Com o ID_BR, gerencia projetos sobre raça e etnia, empreendedorismo e empoderamento da juventude periférica.

Para a empresária, sua trajetória a empoderou com o conhecimento para ocupar a cadeira de jurada fixa do programa, confessando nunca ter tido vontade de empreender por saber das dificuldades que mulheres negras enfrentam para conseguir capital para escalar seus negócios. “Ter começado do zero, sem ser herdeira, sem ter capital. Passei por vários questionamentos, bancas avaliadoras. De forma muito solitária, passei por vários estágios do que é empreender como mulher negra e isso me trouxe o arcabouço que me permite avaliar e aprender junto com eles”, afirma.

Génot revela que seu critério para escolha durante as gravações foi a narrativa dos participantes. Mais do que o produto apresentado ao público, o que chamava sua atenção era como contavam suas jornadas. “Era o insumo para acreditar ou não na ideia. Saber o que a motivava a investir naquilo, o tempo que dedicava para a ideia crescer e germinar”, conta.

Ela espera que as histórias dos 24 candidatos do “Ideias à Venda” e as trocas entre os empreendedores e os jurados convidados inspirem os telespectadores a empreenderem de forma planejada e inteligente, direcionando seus produtos a sanar necessidades mal-atendidas. “Espero que olhem mais para suas essências e reflitam sobre quais modelos de negócios são possíveis para colocar as ideias à venda”, pontua.

 

Fonte: https://revistapegn.globo.com/Banco-de-ideias/Diversao-e-turismo/noticia/2022/02/netflix-estreia-novo-reality-show-sobre-empreendedorismo.html

No Comments
Post a comment